CONCEITOS. IDEIAS. JUNÇÃO.

Para este projecto quis acima de tudo definir primeiro um conceito.
A partir daí foram surgindo algumas ideias, algumas delas um pouco aleatórias e algumas delas um pouco rebuscadas de mais.

Neste ponto, e enquanto seleccionava as primeiras imagens no meio de um monte que havia recolhido surgiu uma ideia que acaba por juntar a minha primeira ideia com esta última.

A minha primeira ideia tinha sido a de relatar o meu percurso, um percurso de um dia e captar, nesse percurso, todos os espaços, objectos, cores e texturas.
Nesta última ideia que tive não seria o meu percurso mas não deixa de ser um percurso. Mas o que o conto “A viagem” tem de mais interessante não é aquilo que as personagens vão encontrando pelo caminho (embora isso seja de certo modo importante também para perceber o texto), mas sim o duplo significado do texto:

O meio da vida; estar entre a vida e a morte; estar entre a espera do que virá amanhã e o aproveitar do que temos no dia de hoje.

Pensando nesse ponto importante do conto, uma vez que é uma história que de facto nos faz pensar sobre a importância do “Carpe Diem”, pensei…porque não transmitir essa ideia do conto no meu percurso? Um percurso feito por mim…seja ele qual for?

Nesta fase tento agora delinear a forma como irei representar essa ideia de aproveitar ou não aproveitar o dia.
Como primeira representação seria interessante captar imagens aleatórias durante o percurso, imagens sem um objectivo definido, imagens com arrasto, má iluminação, má focagem, sem enquadramento previamente pensado…o caminho seria realizado um pouco á pressa (metáfora para a “correria” que é o nosso dia a dia e o facto de olharmos para tudo mas não vermos realmente nada).

Como segunda representação seria interessante olhar e ver as coisas de outra forma, de uma forma mais pensada, mais calma, mais sentida. Para isso o percurso já seria realizado como se de um calmo passeio se tratasse, as imagens seriam então mais cuidadas, perceber-se-ia o percurso no seu todo com mais pormenor.
As imagens já teriam um enquadramento, seriam mais cuidadas, mais pensadas.

Como terceira representação tenta-se levar a ideia de passeio ao extremo. O extremo das calmas, e do “perceber o mundo”. Como uma grande amiga minha disse uma vez numa aula de português no ensino preparatório na qual acabávamos de ler o conto “Uma esplanada sobre o Mar” (trata-se de um rapaz que sabe que tem uma doença terminal e que só aí começa a ter gosto pela vida e a reparar em tudo que é belo e ao qual não dava importância alguma) este passeio/percurso trata-se de “ver no sentido de sentir” …isto é, muitas vezes olhamos para as coisas e não as vemos, olhar é observar as coisas superficialmente, ver as coisas e o mundo trata-se de explorar, admirar, recordar tudo que nos rodeia e dar valor a todas as coisas que temos…ser gratos pela vida.
Para esta representação todas as imagens seriam de alta qualidade, seria a captação do mesmo percurso ao limite, ao mais pequeno pormenor, a exploração dos espaços e objectos como algo que deve de facto ser admirado. Neste percurso permaneceria mais tempo nos espaços que surgirem e tentaria captar tudo ao limite.

Como percurso, pensei num passeio banal entre a minha casa e a marginal junto á praia de leça. Um percurso que realizo muitas vezes a pé e que hoje penso e percebo que poucas foram as vezes que reparei nos mais pequenos pormenores que me rodeiam durante esse percurso. Mas poderão surgir outras opções. O percurso poderá ser ao redor de Leça, percurso banal que realizei variadíssimas vezes também a pé quando o carro não era ainda uma opção.

Esta junção da primeira ideia com o conto “a viagem” ou seja, com a perspectiva da vida que este conto me transmitiu agrada-me.

1 Pressa/Correria. 2 Passeio. 3 Máxima Exploração.

Assim poderei representar o mesmo percurso, as mesmas coisas, mas de diferentes formas. Na primeira será feita uma representação superficial e numa última será feita uma representação pormenorizada.

Bom trabalho a todos!

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s