FRAGMENTAÇÃO. FRAGMENTATION.

Pareceu-me interessante o facto de podermos explorar a criação de imagens através da fragmentação (por exemplo).
Desconstruir um espaço, um objecto, uma acção através da cor, das texturas, dos objectos e de tudo o resto que é característico desse diferente espaço.

A exploração dos espaços desde o mais pequeno pormenor até ao conjunto de um todo.
Do mais pequeno ao maior…zoom!

Exploração do espaço exterior, espaço interior, e objectos desse espaço.

3 formas diferentes de representarmos uma viagem (The Journey)
Neste caso seria um percurso. O meu percurso. Que poderia durar um dia, uma semana, um mês, 5 minutos, uma hora….tudo aquilo que faço, os lugares que visito, os espaços que frequento nesse espaço de tempo.

Ideias a explorar…

experimentação a ser feita…

Seria interessante utilizar esse tipo de técnicas para criar, a partir de uma selecção de imagens, uma nova imagem que poderá até transmitir outros significados a diferentes pessoas. Formas de ver.

Das coisas podem nascer outras coisas (“Das coisas nascem coisas” Bruno Munari – “São casos realmente interessantes, de diversas áreas do design e que servem até mesmo para que o próprio leitor questione os processos e as soluções finais”)
Leia mais: http://www.designemartigos.com.br/resenha/das-coisas-nascem-coisas-bruno-munari/#ixzz1joGP09sE 

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s